24 novembro 2014

O que são galardões

Um dos mais apaixonantes temas bíblicos é sobre os galardões, sinônimo de recompensa que Deus dará no céu pelo nosso trabalho na obra dele aqui na terra. Isto envolve comportamento, arrependimento de pecados, ganhar almas para Cristo, pregar o Evangelho. Tudo que fazemos e como vivemos em relação a Deus, sendo salvos, justificados pela morte de Jesus na cruz, será acrescentado galardões como prêmio aos escolhidos de Deus.

Galardões são acumulados e também retirados, ganhamos e perdemos, contraposto à Salvação, esta, uma vez recebida jamais será perdida. Galardões perdemos a cada pecado cometido, ou a cada má intenção no trabalho na obra do Senhor. Não sabemos exatamente se os galardões serão graduação de chefia, ou alguma espécie de troféu, ou agradecimento pelo nosso esforço aqui na terra, com certeza é recompensa e vale à pena tê-las.

Analisando os versículos abaixo podemos ter uma ideia mais segura sobre o assunto.


Jeremias 31:16 - Assim diz o Senhor: Reprime a tua voz de choro, e as lágrimas de teus olhos; porque há galardão para o teu trabalho, diz o Senhor, pois eles voltarão da terra do inimigo. 

Aqui neste versículo de Jeremias podemos entender que receberemos galardões pela dificuldade da obra.  Deus secará nossas lágrimas e nos galardoará.

Hebreus 11:6 - Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.
Aqui em Hebreus vemos que a fé agrada a Deus, aquele que realmente crê que ele existe, aquele que confia no Senhor, este receberá galardões.

I Coríntios 3:8 - Ora, o que planta e o que rega são um; mas cada um receberá o seu galardão segundo o seu trabalho. 
Em Coríntios vemos os galardões dados àquele que planta e o que rega, por exemplo: você fala de Deus para alguém que nunca ouviu sobre o plano da salvação, a pessoa se converte, neste caso você plantou a semente, receberá galardão e aquele que instruiu o crente, acolheu, ensinou os caminhos, também receberá galardões segundo o tanto que fez.

Mateus 5:12 -"Alegrai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram aos profetas que foram antes de vós." 

Em Mateus vemos a promessa dos galardões aos perseguidos, por isto quando sofremos dor, perseguição, provações, são oportunidades de louvar e bendizer ao Senhor por elas, porque nas injustiças cometidas contra nós, ao resistirmos louvando, acumulamos galardões.

I Coríntios 3:10-15 - 
"Segundo a graça de Deus que me foi dada, pus eu, como sábio arquiteto, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele. Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo. E, se alguém sobre este fundamento formar um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, a obra de cada um se manifestará; na verdade o dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um. Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão. Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo."

Veja o texto de Coríntios acima, este texto fala do trabalho na obra do Senhor Jesus, o IDE que todos nós temos que fazer, dependendo da nossa obra, o que edificarmos sobre a rocha Jesus, se for obra de ouro, prata, pedras preciosas, isto é, boas obras, acumularemos muitos galardões. No entanto, se as nossas obras construídas em nome de Jesus foram de palha, feno, madeira, se queimará e, note bem, mesmo se as nossas obras se queimarem a salvação será confirmada, como se tivéssemos passado pelo fogo.

Quando possuímos discernimento espiritual profundo conseguimos verificar imediatamente em cada ato a perda e o ganho do galardão. Por exemplo, uma mentira perde-se galardão. Deu um folheto falando de Cristo e este folheto cai em terreno fértil, nas mãos de alguém que após isto aceita Jesus, acumulamos galardão.

Agora me pergunte: entregar um folheto para ganhar galardão é válido? A resposta é não. Deus conhece os corações e neles as intenções. Podemos enganar a nós mesmos sobre nossas intenções, nunca enganaremos a Deus. Ele sonda os corações, conhece tudo de nós e de nossas ações. Por isto, devemos trabalhar na obra do Senhor sem esperar nada em troca. O trabalho deve ser feito com amor e um dia Deus nos surpreenderá com o resultado. Pode ter certeza.

Por Alda Inácio

Nenhum comentário:

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.