22 maio 2017

É só aceitar Jesus para ser salvo?

Parece um texto muito simples e bem fácil de compreender porque é bem assim que está escrito em Romanos 10:09. Se você confessar com a sua boca que Jesus é o Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo. 

A Bíblia é a verdadeira Palavra de Deus, portanto se ali está escrito que é só aceitar Jesus creia nisso, porém, o que as pessoas não cogitam é o que significa aceitar Jesus. Imagine um corredor longo que no final tem uma porta única. Você vem andando por este corredor e só tem uma saída, a porta única. Você para na frente desta porta e sua consciência te diz "é só abrir a porta". Atrás da porta tem um novo mundo, porém você nada sabe dele.  A partir do momento que você abre a porta, diante de você se mostra tudo o que há por trás dela. No próximo passo a porta se fecha e você faz parte de tudo que aquele novo mundo contém. 

É mais ou menos assim aceitar Jesus, ele é a porta veja  João 10:7- Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas.

Quando você aceita Jesus um novo mundo se abre para você e você o assume para a vida eterna, carrega a cruz de Cristo, foge dos pecados, se arrepende dos pecados passados, muda de rota na sua vida. Isto já começa a acontecer desde o dia que você decidiu no seu coração a aceitar Jesus. Então vem o Batismo nas águas, vem os estudos bíblicos a fazer, para um crescimento espiritual, vem o recebimento do Espírito Santo, vem uma busca pela santificação. Isto tudo em decorrência daquele primeiro passo que foi aceitar Jesus.

O aceitar Jesus é um simples desejo sincero do seu coração, e a transformação do seu viver será em decorrência deste primeiro passo de grande importância na vida de qualquer pessoa. Imagina uma pessoa que só conhecia Jesus por ouvir falar dele e de repente recebe Jesus no seu coração. É mudar de água para óleo, não tem comparação. Por isso, dizer é só aceitar Jesus, sim, é abrir a porta e passar por ela, e também assumir a mudança radical que esta decisão comporta. Aceitar Jesus é um passo de muita responsabilidade.

Veja versículos que falam sobre aceitar Jesus:

Pedro respondeu: "Arrependam-se, e cada um de vocês seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos seus pecados, e receberão o dom do Espírito Santo. Atos 2:38

Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus, João 1:12

"Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3:16

Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos". Atos 4:12

Respondeu Jesus: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim. João 14:06

Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça. I João 1:9

Deus te dê salvação.
Por Alda Inacio


19 maio 2017

Por que Jesus foi feito menor do que os anjos? - Hebreus 2:9

Eu tenho lido sobre a questão de que Jesus foi feito menor do que os anjos, está em Hebreus 2:9 e vi textos belíssimos sobre o assunto, inclusive a sugestão de que consultemos as diversas versões da Bíblia para entender a questão. Mas os textos não enfatizam  o ponto principal da diferença. Veja a seguir que, mesmo lendo diferentes versões, o ponto central será sempre o mesmo em todas as versões. Duas versões eu cito abaixo:

(NVI) Vemos, todavia, aquele que por um pouco foi feito menor do que os anjos, Jesus, coroado de honra e glória por ter sofrido a morte, para que, pela graça de Deus, em favor de todos, experimentasse a morte.

(ACF) Vemos, porém, coroado de glória e de honra aquele Jesus que fora feito um pouco menor do que os anjos, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos.


Não é necessário consultar diversas escrituras para entender o ponto principal que mostra nosso Jesus menor do que os anjos. Em todas as versões, se você analisar  verá que os anjos são imortais e Jesus foi de carne e osso, portanto mortal. Somente nesta condição  o nosso Salvador foi menor do que os anjos.

Neste contexto não fica diminuída sua condição de Deus onipresente, onisciente e onipotente; ele esteve aqui em carne e osso, enquanto continuava no céu em Espírito. Na condição de espírito ele exercia seu atributo de onipresença como sempre o fez. Já na condição de homem, carne e osso, ele exerceu seu atributo de onisciência sempre. Ele sabia de tudo. Lembra da passagem de Jeremias I versículo 5 - Antes que te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre, te santifiquei; às nações te dei por profeta.

O outro atributo de Deus a Onipotência é notório em todo Novo testamento; ele usou seu poder para acalmar o mar, usou seu poder para ressuscitar Lázaro, usou seu poder na multiplicação dos pães e infinitamente usou seu poder em todas as curas que fez.

Nos seus atributos Jesus foi Deus em plenitude, porém ele veio para morrer pelos pecadores, era preciso vir em carne e osso, portanto menor que os anjos.  Note que a ressurreição de Jesus que subiu aos céus após ser morto na cruz, não foi ressurreição da carne. Ele subiu em Espírito. E aqui vemos que a essência do homem é  o espírito. Somos em essência espírito semelhante a Deus. Tanto que a Bíblia nos diz que a carne e o sangue não entrarão no céu. Nosso Jesus foi feito menor que os anjos porque ele foi mortal e os anjos são imortais.

Este foi um estudo rápido, direto, no ponto e espero ter ajudado em algo a mais para o seu crescimento espiritual. Nunca desista de Deus, porque ele jamais desistirá de você.

Deus vos abençoe.
Por Alda Inácio

Que Deus acompanhe você em tudo que fizer. Volte sempre.